Secções

Opinião Sociedade Economia Política Região Turismo Cultura Desporto País Especiais Emprego Tecnologia Saúde Ambiente Inovação Internacional Cartaz Directório Mundo Entrevista Exclusivo Editorial

Directório

Adicionar Entidade 

Sobre

Termos e Condições Privacidade e Cookies Acordo Ortográfico Regras da Comunidade Ficha Técnica Estatuto Editorial Contactos

Siga-nos

Facebook Twitter
Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form
Pesquisar
GAZETA SETUBALENSE
A informação na hora certa.
Cultura
“Há Beira na Revolta!” encerrou XX Festa de Teatro de Setúbal
ana maria santos
2018-09-03 / 23:23
FONTE: SMCI/CMS
Perto de quatro dezenas de eventos culturais, quase sempre esgotados, marcaram o Festival Internacional de Teatro de Setúbal – XX Festa do Teatro, que terminou no último domingo à noite, com casa cheia, no Fórum Municipal Luísa Todi.

Teatro de sala e de rua, música, cinema, encontros, workshops e exposições, contribuíram, entre 23 de Agosto e 2 de Setembro, para o sucesso da XX Festa do Teatro, evento organizado pelo Teatro Estúdio Fontenova e Câmara Municipal de Setúbal.

O director artístico do certame, José Maria Dias, sublinha que apesar de a organização ainda não ter a contagem final do público que assistiu aos vários espectáculos, o número terá sido “largamente superior às quatro mil pessoas que no ano passado participaram no festival”.

O aumento da qualidade dos espectáculos, “todos, sem excepção, de grande nível”, é um dos motivos que explica o aumento da adesão de público, proveniente de Setúbal e de outros locais de fora do concelho.

Um dos exemplos apontados por José Maria Dias é a peça que encerrou o certame, “Há Beira na Revolta!”, da ESTE – Estação Teatral da Beira Interior, que praticamente esgotou o Fórum Municipal Luísa Todi, domingo à noite.

Já no sábado, a companhia Cães do Mar, de Angra do Heroísmo, vencedora da Secção Off Mais Festa da edição de 2017, “levou ao rubro o público que encheu o Largo do Sapalinho” com a estreia da peça “Rimance de Mateus e da Baleia”, uma ópera folk interpretada por um actor e um cantor, acompanhados pela Banda Filarmónica da Capricho Setubalense.

As estreias de “Ah! Minha Dinamene!”, no dia da abertura, de “Lugar de Túbal”, a 31, uma performance/instalação em construção progressiva que culmina na edição de 2019, ambas do Teatro Estúdio Fontenova, de “Hoje durmo em Berlim”, dos White Noise Teatro, a 24, e de “Corpo Futuro”, dos 33 Ânimos, a 25, são outros destaques do certame.

A Secção Off “Mais Festa” tem sido uma “aposta ganha” nas últimas edições do certame e este ano voltou a contar com a adesão de “muito público e espectáculos de grande qualidade”.

O vencedor daquela secção, que abre as portas a jovens criadores e a novos projectos teatrais que usufruem da logística e promoção do certame, foi a companhia brasileira Os Conectores, com a peça “Rosa Choque”.

Na XX Festa do Teatro, que decorreu em vários equipamentos e espaços públicos da cidade, apresentaram-se 15 espetáculos na Secção Oficial, 16 na Secção Mais Festa, sendo que oito estiveram a concurso e oito extraconcurso, dois concertos, uma mostra de curtas-metragens, conversas de teatro, duas exposições e um workshop.

Além de companhias nacionais, marcaram presença oito estrangeiras, entre as quais quatro de Espanha, três do Brasil e uma de Itália.

Partilhe
ver mais