Secções

Opinião Sociedade Economia Política Região Turismo Cultura Desporto País Especiais Emprego Tecnologia Saúde Ambiente Inovação Internacional Cartaz Directório Mundo Entrevista Exclusivo Editorial

Directório

Adicionar Entidade 

Sobre

Termos e Condições Privacidade e Cookies Acordo Ortográfico Regras da Comunidade Ficha Técnica Estatuto Editorial Contactos

Siga-nos

Facebook Twitter
Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form
Pesquisar
GAZETA SETUBALENSE
A informação na hora certa.
Cultura
Setúbal: Eurovision Live Concert assinala 10.ª edição com expectativa num maior número de público
ana maria santos
2018-08-23 / 15:36
FONTE: Youtube
No ano em que a Deriv@Status – Associação, responsável pela organização do Eurovision Live Concert Portugal, assinala a 10.ª edição do evento, o cartaz deste ano apresenta algumas novidades e a expectativa que aumente o número de público, nomeadamente nacional.

A 10.ª edição do Eurovision Live Concert Portugal, a decorrer a 1 de Setembro, às 21.30 horas no Largo José Afonso, em Setúbal, foi apresentada ontem, na Casa da Cultura, pelo vereador Pedro Pina e por Guilherme Santos, presidente da Deriv@Status.

O cartaz deste ano, que como habitualmente, traz a Setúbal grandes nomes que marcaram o mais antigo, e emblemático, concurso musical televisivo, apresenta intérpretes de vários países, nomeadamente Ira Losco, Malta; Poli Genova, Bulgária; Madame Monsieur, França; Krista Siegfrids, Finlândia; Lucía Pérez, Espanha; Justs, Letónia e Mickey Harte, da Irlanda.

Nos últimos 10 anos, o Eurovision Live Concert Portugal trouxe a Setúbal mais de cinco dezenas de artistas, provenientes de 35 países da esfera da Eurovisão.

O evento, que tem entrada gratuita, conta ainda com a presença de Pedro Penim, como um dos apresentadores do espectáculo onde estarão ainda presentes a cantora e actiz, Anabela – que apenas com 16 anos representou Portugal no Festival Eurovisão da Canção, em 1993, e que tem estado sempre presente nas últimas edições do evento sadino -, Carla Robeiro, Carlos Costa e Gerson Santos.

No decorrer da apresentação do Eurovision Live Concert Portugal, o vereador da Cultura, Pedro Pina, salientou a importância do evento, sublinhando que se o mesmo “se manteve durante uma década é porque houve público e houve capacidade por parte da organização para motivar as pessoas a participar no evento”, frisando, por outro lado, a “linguagem musical distinta de outras iniciativas que se realizam na cidade e capta um determinado tipo de público que gosta da Eurovisão”, referiu o vereador.

No entanto, e não mesmos importante, Pedro Pina salientou, como relevante, o facto do espectáculo trazer a esta cidade “pessoas, de Portugal e do estrangeiro, que de outra forma nunca viriam a conhecer a cidade, e possívelmente o país”, contribuindo para mais uma forma promoção turística do concelho.

Aliás, Guilherme Santos, presidente da Deriv@Status, confirmou as palavras do vereador ao afirmar que muitos dos artistas presentes em edições anteriores, “pedem-nos para voltar porque, para além de terem gostado muito da experiência e da região, esta é uma das melhores festas que se fazem na Europa no âmbito do circuito eurovisivo” e que, adiantou, “já serviu de exemplo para a realização de organizações semelhantes em Espanha e Israel.

Para este ano, em que pela primeira vez Portugal ganhou o Festival Eurovisão da Canção e, em consequência, organizou a edição anual, a expectactiva é a de um aumento, que poderá ser considerável, de um público mais abrangente, nomeadamente de âmbito nacional, prespectiva essa a que Guilherme Santos não consegue, para já, responder uma vez que, disse, “tenho a noção de que existem mais portugueses a pedir informações sobre o evento e isso poderá significar uma maior adesão de público português”.

Por seu lado, o vereador Pedro Pina considera que o êxito da organização portuguesa do Festival Eurovisão da Canção 2018 poderá ser motivador de um maior interesse para o evento realizado em Setúbal.

O programa 2018 do Eurovision Live Concert Portugal inclui, para além do concerto no dia 1, às 21.30 horas, uma recepção de boas-vindas aos artistas e convidados do evento, que irá decorrer a 31 de Agosto, às 21 horas, no Artes Café, Casa da Cultura.

Em ambos os dias, a festa prolonga-se, a partir da meia-noite, no Lounge Café, igualmente em Setúbal.

Partilhe
ver mais