Secções

Opinião Sociedade Economia Política Região Turismo Cultura Desporto País Especiais Emprego Tecnologia Saúde Ambiente Inovação Internacional Cartaz Directório Mundo Entrevista Exclusivo Editorial

Directório

Adicionar Entidade 

Sobre

Termos e Condições Privacidade e Cookies Acordo Ortográfico Regras da Comunidade Ficha Técnica Estatuto Editorial Contactos

Siga-nos

Facebook Twitter
Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form
Pesquisar
GAZETA SETUBALENSE
A informação na hora certa.
Cultura
Vida de Luísa Todi contada às crianças
ana maria santos
2018-01-05 / 15:31
FONTE: DR
"Chamo-me... Luísa Todi" é o livro, da autoria de Nuno Quintas que aborda a vida da cantora lírica setubalense, dirigido a crianças do 1.º ciclo do ensino básico, a ser apresentado terça-feira, 9 de Janeiro, na Biblioteca Pública Municipal, em Setúbal.

A sessão, de entrada livre, com início às 14.30 horas, conta com a participação do autor e integra o programa de Comemorações dos 265 anos do Nascimento de Luísa Todi, organizado pela Câmara Municipal de Setúbal.

O livro, com ilustrações de Inês Galo, dá a conhecer aos mais novos, uma personalidade nascida em Setúbal que brilhou no mundo das artes dentro e fora de Portugal.

Luísa Rosa de Aguiar, nome de solteira, nasceu em Setúbal, na actual Rua da Brasileira, no Bairro do Troino, a 9 de Janeiro de 1753, estreando-se no mundo do espectáculo como actriz, em Lisboa, cidade para onde foi viver com os pais.

Após conhecer Francesco Saverio Todi, violinista de origem italiana, com quem veio a casar com apenas 16 anos, encetou uma carreira que a tornou a maior cantora lírica portuguesa de sempre, alcançando êxitos nas principais salas europeias, em Londres, Paris, Berlim, Turim, Varsóvia, Veneza, Viena e São Petersburgo. Luísa Todi faleceu em Lisboa, a 1 de outubro de 1833, com 80 anos.

Para a sessão de apresentação do livro, as escolas podem inscrever-se para assistir ao encontro através do contacto telefónico da biblioteca, 265 537 240.

Partilhe
ver mais