Secções

Opinião Sociedade Economia Política Região Turismo Cultura Desporto País Emprego Saúde Ambiente Cartaz Directório Mundo Entrevista Exclusivo Editorial

Directório

Adicionar Entidade 

Sobre

Termos e Condições Privacidade e Cookies Acordo Ortográfico Regras da Comunidade Ficha Técnica Estatuto Editorial Contactos

Siga-nos

Facebook Twitter
Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form
Pesquisar
GAZETA SETUBALENSE
A informação na hora certa.
Inovação
Estudantes do Politécnico de Setúbal conquistaram 3º lugar do Prémio Portugal Air Summit 2019
ana maria santos
2019-06-05 / 12:50
FONTE: GICOM-IPS e Município de Ponte de Sor
Hugo Ferreira e Henrique Figueiredo, ambos estudantes do Instituto Politécnico de Setúbal (IPS), foram distinguidos no último sábado, 1 de Junho, em Ponte de Sor, com o terceiro lugar no âmbito do Prémio Portugal Air Summit, galardão entregue no decorrer de mais uma edição da maior cimeira aeronáutica da Europa, que abordou a temática “Powering Human Capital”.

Os estudantes da Escola Superior de Tecnologia de Setúbal (ESTSetúbal/IPS), dos cursos de licenciatura em Engenharia Mecânica e de mestrado em Engenharia de Produção, marcaram lugar no pódio com o projecto “Desenvolvimento de uma impressora 3D para aplicações de aeronáutica”, tendo recebido um prémio monetário no valor de mil euros.

Nuno Guerreiro, do Instituto Superior Técnico, mereceu o primeiro lugar, com o projecto “Técnicas de Controlo Incremental de Aeronaves”, pelo qual recebeu um prémio monetário de 2.500 euros e Diogo Correia, da Universidade de Coimbra, foi o segundo classificado com um trabalho sobre “Sistema de Geração de Energia e Dados em Aeroportos”, tendo recebido 1.500 euros de prémio.

A iniciativa, que decorre do projeto Portugal Air Summit Universidades (PAS U), com o apoio da Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT), foi uma das novidades deste terceiro ano de cimeira, tendo como propósito “reconhecer projectos que se destaquem por uma intervenção particularmente relevante e inovadora na área da ciência e/ou cultura aeroespacial”.

Reconhecendo a escassez de recursos humanos especializados na área aeronáutica, em Portugal e no mundo, a organização do Portugal Air Summit 2019 considera que “o caminho passa por uma proximidade física do sector com a academia e os jovens”, como refere o próprio lema do prémio: “O sector aerospacial mais perto dos estudantes”. 

De salientar que o IPS tem feito uma forte aposta, ao longo dos últimos anos, no reforço da oferta formativa para satisfazer as necessidades do sector, disponibilizando nomeadamente uma pós-graduação, um curso técnico superior profissional (também registado para ser leccionado no Aeródromo de Ponte de Sor) e um ramo específico em aeronáutica da licenciatura em Engenharia Mecânica. A ESTSetúbal/IPS dispõe igualmente de um novo Laboratório de Aeronáutica, equipado com um simulador de voo da aeronave A320, construído por docentes e estudantes.

Partilhe
ver mais