Secções

Opinião Sociedade Economia Política Região Turismo Cultura Desporto País Especiais Emprego Tecnologia Saúde Ambiente Inovação Internacional Cartaz Directório Mundo Entrevista Exclusivo Editorial

Directório

Adicionar Entidade 

Sobre

Termos e Condições Privacidade e Cookies Acordo Ortográfico Regras da Comunidade Ficha Técnica Estatuto Editorial Contactos

Siga-nos

Facebook Twitter
Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form
Pesquisar
GAZETA SETUBALENSE
A informação na hora certa.
Política
Alcácer do Sal: prestação de contas de 2017 aprovada por unanimidade
ana maria santos
2018-04-25 / 18:21
FONTE: CMAS
O relatório de prestação de contas de 2017 da Câmara Municipal de Alcácer do Sal foi aprovado, na última reunião ordinária de Assembleia Municipal, sem qualquer voto contra, à semelhança do que sucedeu na reunião de Câmara de 13 de Abril.

O documento destaca fortes investimentos nas refeições e transportes escolares, acção social, desporto, cultura e também para com os Bombeiros de Alcácer do Sal e do Torrão, que receberam cerca de 200 mil euros. Evidencia ainda a diminuição dos custos com combustíveis e a redução de encargos com iluminação, na sequência da substituição de luminárias por outras mais eficientes.

Relativamente a receitas, do documento consta que 2017 foi o ano em que o município de Alcácer do Sal teve a maior receita do quinquénio, na ordem dos 18.728.298,67 euros.

No decorrer da apresentação daquele relatório foi referido que o Governo “continua em incumprimento no que diz respeito à Lei de Finanças Locais e aplicação do Fundo de Apoio Municipal, factores que retiram cerca de 418 mil euros ao município de Alcácer, que muita falta fazem ao concelho”.

A autarquia destaca ainda que ano de 2017 “foi um período de grandes investimentos em obras públicas, entre as quais a recuperação integral da estrada de Casebres, a construção do novo circuito de manutenção da Comporta, a iluminação do património, o arrelvamento do Campo Polidesportivo do Parque Desportivo Municipal, a recuperação de azinhagas, dois novos corredores cicláveis, revitalização do Museu Municipal e intervenções em vários arruamentos no concelho”, sublinhando ainda o facto de que a Câmara Municipal de Alcácer do Sal “não tem pagamentos em atraso e de o prazo médio de pagamento a fornecedores se situar abaixo dos 30 dias”.

Partilhe
ver mais