Secções

Opinião Sociedade Economia Política Região Turismo Cultura Desporto País Especiais Emprego Tecnologia Saúde Ambiente Inovação Internacional Cartaz Directório Mundo Entrevista Exclusivo Editorial

Directório

Adicionar Entidade 

Sobre

Termos e Condições Privacidade e Cookies Acordo Ortográfico Regras da Comunidade Ficha Técnica Estatuto Editorial Contactos

Siga-nos

Facebook Twitter
Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form
Pesquisar
GAZETA SETUBALENSE
A informação na hora certa.
Política
Inauguração da Loja do Cidadão do Seixal prevista para 2020
ana maria santos
2018-01-31 / 19:00
FONTE: CMS
A infraestrutura ficará situada no edifício Alentejo, em Amora, e irá albergar a Loja do Munícipe de Amora, o Espaço Cidadão e ainda os serviços do Instituto da Segurança Social, do Instituto dos Registos e Notariado e da Autoridade Tributária.

Joaquim Santos, presidente da Câmara Municipal do Seixal, referiu ontem, no decorrer da cerimónia de assinatura do novo protocolo que tornará a Loja do Cidadão do concelho do Seixal uma realidade, que aquele “é um equipamento essencial para a população pois aproxima os serviços do Estado, evitando deslocações para Lisboa ou para Setúbal”. O autarca referiu ainda que “estamos confiantes que desta vez o processo vai avançar e que em 2020 teremos a loja a funcionar”.

Importa lembrar que já em 2009 tinha sido assinado um protocolo com o Governo com o objectivo de instalar uma Loja do Cidadão no concelho do Seixal, contudo o mesmo não chegou a avançar por responsabilidade dos sucessivos Governos.

Sobre a situação,  Joaquim Santos esclareceu que “só a partir de 2015 foi possível retomar este processo, que envolveu muitas reuniões e decisões, tendo só agora sido possível concretizar este novo protocolo”.

O autarca acrescentou também que “embora as Lojas do Cidadão sejam uma responsabilidade do Governo, a autarquia do Seixal vai investir cerca de 1 milhão de euros, pois só desta forma será possível tornar esta aspiração numa realidade e isso é para nós uma prioridade pois trata-se de um equipamento fundamental para os nossos munícipes”.

O protocolo que ontem foi celebrado entre o município do Seixal, a Agência para a Modernização Administrativa, o Instituto dos Registos e Notariado, a Autoridade Tributária e Aduaneira e o Instituto da Segurança Social define os direitos e obrigações das partes e manter-se-á em vigor pelo prazo de 15 anos, contados a partir da data de abertura da loja. Aquela infraestrura, que terá uma área de 1.150 m2, contará com 33 postos de trabalho em front office.

Partilhe
ver mais