Secções

Opinião Sociedade Economia Política Região Turismo Cultura Desporto País Especiais Emprego Tecnologia Saúde Ambiente Inovação Internacional Cartaz Directório Mundo Entrevista Exclusivo Editorial

Directório

Adicionar Entidade 

Sobre

Termos e Condições Privacidade e Cookies Acordo Ortográfico Regras da Comunidade Ficha Técnica Estatuto Editorial Contactos

Siga-nos

Facebook Twitter
Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form
Pesquisar
GAZETA SETUBALENSE
A informação na hora certa.
Política
Moita: Plano de Segurança da Água apresentado publicamente
ana maria santos
2018-05-18 / 11:32
FONTE: CMM
Em fase de conclusão, o projecto do Plano de Segurança da Água do Município da Moita foi apresentado publicamente, ontem, no Moinho de Maré de Alhos Vedros.

Na sessão pública de apresentação do Plano de Segurança da Água para o concelho da Moita, estiveram presentes o presidente e os vereadores daquela autarquia, bem como  o presidente da Assembleia Municipal, responsáveis dos serviços municipais, autoridades policiais e representantes das juntas de freguesia do concelho.

Na sessão, foi feito o ponto da situação do projecto colaborativo e a sensibilização dos presentes para a importância da temática, tendo o presidente da autarquia realçado a relevância do serviço público de abastecimento de água, nomeadamente ao nível municipal, por ser “aquele que melhor defende o direito das populações ao acesso à água de qualidade, a custo reduzido”.

Rui Garcia referiu ainda os “avultados investimentos” que o município da Moita “tem feito ao longo do tempo na melhoria do sistema de distribuição de água”, reforçando que o objectivo nessa área “será sempre a excelência do serviço, da qual a questão da segurança é indissociável”.

O Plano de Segurança da Água encontra-se em fase de conclusão, sendo um instrumento “essencial para a gestão do sistema de abastecimento, estabelecendo a caracterização rigorosa do sistema, a identificação dos riscos, bem como das medidas de controlo e de avaliação da eficácia, e ainda as melhorias a implementar, definindo também regras e procedimentos de gestão”.

Partilhe
ver mais