Secções

Opinião Sociedade Economia Política Região Turismo Cultura Desporto País Especiais Emprego Tecnologia Saúde Ambiente Inovação Internacional Cartaz Directório Mundo Entrevista Exclusivo Editorial

Directório

Adicionar Entidade 

Sobre

Termos e Condições Privacidade e Cookies Acordo Ortográfico Regras da Comunidade Ficha Técnica Estatuto Editorial Contactos

Siga-nos

Facebook Twitter
Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form
Pesquisar
GAZETA SETUBALENSE
A informação na hora certa.
Política
Nova rotunda inaugurada em Setúbal
ana maria santos
2018-04-30 / 12:14
FONTE: SMCI/CMS
Uma nova rotunda foi inaugurada este fim-de-semana, na confluência entre as estradas de Santo Ovídeo, Mourisca e Vale da Rosa, em Setúbal, resultado de um trabalho conjunto de três freguesias do concelho e da autarquia local. O projecto incluiu ainda a criação de áreas de circulação pedonal.

A nova rotunda, baptizada com o nome "A Unidade do Poder Local", resulta da união de esforços das Juntas de Freguesia do Sado, de São Sebastião e de Gâmbia, Pontes e Alto da Guerra, com o apoio da Câmara Municipal de Setúbal e irá permitir a melhoria das condições de segurança e circulação naquela via.

O projecto, liderado pela Junta de Freguesia do Sado, foi elaborado pelo município, que cedeu materiais de construção e executado por administração directa com meios técnicos e humanos próprios de todas as freguesias envolvidas no processo.

"É uma intervenção que torna a estrada mais segura e com melhores condições de circulação rodoviária", destacou o presidente da Junta de Freguesia do Sado, Manuel Véstias, adiantando que a rotunda foi construída numa área particularmente sensível no que respeita a sinistralidade rodoviária.

A nova infraestrutura rodoviária, situada num ponto de confluência entre os territórios das freguesias do Sado, de São Sebastião e de Gâmbia, Pontes e Alto da Guerra, serve um conjunto de vias "com um elevado fluxo rodoviário e que carecia de um equipamento deste tipo", acrescentou Manuel Véstias.

Além de estar instalada nas proximidades de equipamentos como o Moinho de Maré da Mourisca e o Complexo Municipal de Atletismo de Setúbal, a rotunda foi projectada também a pensar no tráfego de pesados, sobretudo camiões semirreboque, que utilizam aquelas estradas.

Para o presidente da Junta de Freguesia de São Sebastião, Nuno Costa, a nova rotunda "resolve um problema de circulação rodoviária" que há largos anos afectava aquela área. Sublinhando, ainda, que aquela foi a "melhor resposta" para solucionar uma necessidade identificada pelas populações.

Nuno Costa sublinhou que a obra "representa o que há de melhor no Poder Local Democrático, uma das grandes conquistas do 25 de Abril", e "simboliza a cooperação e a união de esforços entre os eleitos das diferentes autarquias, que, em conjunto, tentam sempre encontrar as melhores formas de servir as populações".

Já para o presidente da Junta de Freguesia de Gâmbia, Pontes e Alto da Guerra, José Belchior, o novo nó giratório "é uma mais-valia para as condições de circulação e de segurança daquele eixo rodoviário na confluência de três estradas que apresentam um grande fluxo de tráfego".

O autarca reforçou, igualmente, que a rotunda representa a "união, cooperação e entreajuda das freguesias na procura de soluções para melhorar o bem-estar dos seus fregueses", que agora dispõem de um acesso "mais seguro e com muita qualidade".

A presidente a Câmara Municipal de Setúbal, Maria das Dores Meira, destacou a importância da intervenção para a melhoria da circulação rodoviária daquele território e enalteceu todo o processo administrativo e de gestão que culmina em mais uma obra ao serviço da população.

A autarca frisou que o novo nó giratório é o resultado demonstrativo da funcionalidade da delegação de competências da Câmara Municipal de Setúbal nas Juntas de Freguesia do concelho e da capacidade de execução, com qualidade acrescida, dos trabalhadores das autarquias locais.

A par da rotunda, cuja área central é embelezada com um apontamento urbanístico na área central com vegetação e seixos rolados, incluindo os brasões das três freguesias, cada um deles direccionado para os correspondentes territórios.

Partilhe
em destaque
Operação Baco: GNR registou mais de mil condutores com excesso de álcool
Apreensão de droga em Almada: Tribunal decreta prisão preventiva para dois dos detidos
Moita: Plano de Segurança da Água apresentado publicamente
Seixal: visita à Olaria Romana da Quinta do Rouxinol
ver mais