Secções

Opinião Sociedade Economia Política Região Turismo Cultura Desporto País Especiais Emprego Tecnologia Saúde Ambiente Inovação Internacional Cartaz Directório Mundo Entrevista Exclusivo Editorial

Directório

Adicionar Entidade 

Sobre

Termos e Condições Privacidade e Cookies Acordo Ortográfico Regras da Comunidade Ficha Técnica Estatuto Editorial Contactos

Siga-nos

Facebook Twitter
Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form
Pesquisar
GAZETA SETUBALENSE
A informação na hora certa.
Região
NIC da GNR do Montijo apreendeu 340 quilos de cocaína
ana maria santos
2018-03-21 / 00:36
FONTE: Gazeta Setubalense
A maior apreensão de sempre de cocaína, realizada pelo Núcleo de Investigação Criminal da GNR do Montijo, aconteceu ontem no âmbito de uma investigação que decorre há cerca de 10 meses e ainda não está concluída.

No âmbito de uma investigação de tráfico de estupefacientes, iniciada pelo Núcleo de Investigação Criminal da GNR do Montijo, há cerca de 10 meses, foram apreendidos, ontem, 19 de Março, 340 quilos de cocaína, em elevado grau de pureza, que depois de “partida”, para venda, dariam mais de 1,7 milhões de doses o equivalente, em termos monetários, a mais de 20 milhões de euros.

Para além de Setúbal, a investigação levou os militares da GNR aos distritos de Portalegre, Santarém e Viseu, nos quais ocorreram sete buscas, três domiciliárias e quatro não domiciliárias, na sequência das quais foi apreendida a quantidade de droga já referida e detidos quatro homens, com idades compreendidas entre os 52 e os 62 anos. No decorrer das buscas foram ainda apreendidas duas viaturas de alta cilindrada, 738.842 bolívares em numerário, 21.600 euros em numerário, seis computadores portáteis, cinco telemóveis, um Tablet e uma máquina automática para contagem de notas.

A investigação da GNr, que teve início por introdução daquele tipo de produto estupefaciente nos distritos de Lisboa e Setúbal, já havia resultado numa apreensão, no Montijo, de 19 quilos da mesma espécie de droga, altura em que não foram realizadas quaisquer detenções.

No decorrer da apresentação do material apreendido, ocorrido nas instalações do Comando Territorial de Setúbal, pouco foi adiantado pelo capitão Mário Martins, Comandante do Destacamento Territorial do Montijo, relativamente ao local onde a droga estava escondida/acondicionada, em qual dos distritos a mesma foi apreendida e em que Comarca vão ser presentes, durante o dia de hoje, os quatro indivíduos detidos.

O silêncio a que a GNR se remete deve-se ao facto de se estar perante uma importante rede de tráfico de droga e de a investigação ainda não estar concluída.

Partilhe
em destaque
Operação Baco: GNR registou mais de mil condutores com excesso de álcool
Apreensão de droga em Almada: Tribunal decreta prisão preventiva para dois dos detidos
Moita: Plano de Segurança da Água apresentado publicamente
Seixal: visita à Olaria Romana da Quinta do Rouxinol
ver mais