Secções

Opinião Sociedade Economia Política Região Turismo Cultura Desporto País Especiais Emprego Tecnologia Saúde Ambiente Inovação Internacional Cartaz Directório Mundo Entrevista Exclusivo Editorial

Directório

Adicionar Entidade 

Sobre

Termos e Condições Privacidade e Cookies Acordo Ortográfico Regras da Comunidade Ficha Técnica Estatuto Editorial Contactos

Siga-nos

Facebook Twitter
Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form
Pesquisar
GAZETA SETUBALENSE
A informação na hora certa.
Sociedade
“A Terra Treme”: acção de sensibilização para risco sísmico decorre amanhã em todo o país
ana maria santos
2018-11-04 / 16:06
FONTE: DR
Saber como agir em caso de sismo é o objectivo da iniciativa, de âmbito nacional, que se realiza pelo sexto ano consecutivo e que irá ter, nesta edição, o evento principal centrado na Escola Secundária Jorge Peixinho, no Montijo.

Amanhã, às 11.05 horas, as medidas de auto-protecção a ter durante um abalo sísmico irão ser exercitadas, a nível nacional e principalmente nos estabelecimentos de ensino de todo o país, naquela que é a sexta edição do Exercício Nacional de Sensibilização para o Risco Sísmico “A Terra Treme”, uma das medidas integrantes da Estratégia Nacional de Protecção Civil Preventiva que visa capacitar a população para saber como agir em caso de sismo.

Embora a iniciativa tenha expressão nacional, a Autoridade Nacional de Protecção Civil, em articulação com a Direcção-Geral da Educação e a Direcção-Geral dos Estabelecimentos Escolares promove o evento principal na Escola Secundária Jorge Peixinho, no Montijo, onde, no minuto pré-definido, serão exercitados, em conjunto, os três gestos de protecção perante uma ocorrência daquela natureza e que são: baixar, proteger, aguardar.

A iniciativa irá contar com a presença do secretário de Estado da Protecção Civil, José Artur Neves, do secretário de Estado da Educação, João Costa, do presidente da Autoridade Nacional de Protecção Civil, Tenente-General Carlos Mourato Nunes, de altos dignitários das mais diversas entidades que integram o sistema nacional de protecção civil, bem como de docentes, funcionários e alunos do referido estabelecimento de ensino.

A acção de sensibilização “A Terra Treme”, já na sua 6.ª edição, enquadra-se, este ano, no âmbito do Dia Internacional de Sensibilização para os Tsunamis, instituído pela Organização das Nações Unidas.

As medidas de auto-protecção que toda a população deverá conhecer, e tomar, para minorar os riscos de danos físicos resultantes de um abalo sísmico estão publicadas na página da Autoridade Nacional de Protecção Civil e podem ser consultadas em http://www.aterratreme.pt/os-7-passos/

Partilhe
ver mais