Secções

Opinião Sociedade Economia Política Região Turismo Cultura Desporto País Especiais Emprego Tecnologia Saúde Ambiente Inovação Internacional Cartaz Directório Mundo Entrevista Exclusivo Editorial

Directório

Adicionar Entidade 

Sobre

Termos e Condições Privacidade e Cookies Acordo Ortográfico Regras da Comunidade Ficha Técnica Estatuto Editorial Contactos

Siga-nos

Facebook Twitter
Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form
Pesquisar
GAZETA SETUBALENSE
A informação na hora certa.
Sociedade
Terminal Interface de Setúbal: autarquia aprova abertura de concurso público actualizado
ana maria santos
2018-10-18 / 14:45
FONTE: SMCI/CMS
A necessidade de algumas alterações ao projecto inicial para a construção do Terminal Interface de Setúbal, a concretizar na Praça do Brasil, levaram a autarquia setubalense a propor ontem, em reunião pública, a abertura de um concurso público actualizado para a execução daquela empreitada. A proposta foi aprovada por unanimidade.

O novo procedimento resulta da necessidade de alteração de várias peças daquele projecto inicial, em resultado de recomendações feitas por entidades vinculativas, o que motivou a revogação, aprovada igualmente ontem, do primeiro concurso público, lançado a 2 de Maio do corrente ano.

O novo concurso público, agora aprovado, destinado a implantar a infraestrutura que permite congregar os modos rodoviário e ferroviário na Praça do Brasil, é lançado por um preço base de 3.099.214 euros, com 30 dias para apresentação das propostas e um prazo máximo de execução da empreitada fixado em 540 dias.

Segundo a proposta, os critério de adjudicação a considerar é o da “proposta economicamente mais vantajosa, determinada pela avaliação do preço ou custo, com o prazo de execução a assumir-se como principal critério de desempate”.

A referida empreitada visa deslocalizar o terminal rodoviário, actualmente na avenida 5 de Outubro, instalando-o junto da estação ferroviária, na Praça do Brasil, numa obra que inclui ainda a construção de um parque de estacionamento subterrâneo, das respectivas áreas de apoio e das infraestruturas e dos equipamentos associados ao seu funcionamento.

De salientar que o projecto, designado de PAMUS 01 – Interface de Setúbal, que se enquadra na estratégia de mobilidade para a cidade, integra uma candidatura ao Portugal 2020 de obtenção de financiamento no âmbito do PEDU – Planos Estratégicos de Desenvolvimento Urbano.

Partilhe
ver mais