Secções

Opinião Sociedade Economia Política Região Turismo Cultura Desporto País Especiais Emprego Tecnologia Saúde Ambiente Inovação Internacional Cartaz Directório Mundo Entrevista Exclusivo Editorial

Directório

Adicionar Entidade 

Sobre

Termos e Condições Privacidade e Cookies Acordo Ortográfico Regras da Comunidade Ficha Técnica Estatuto Editorial Contactos

Siga-nos

Facebook Twitter
Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form
Pesquisar
GAZETA SETUBALENSE
A informação na hora certa.
Tecnologia
Semana Internacional do IPS analisa impactos e desafios da tecnologia no mundo actual
ana maria santos
2017-05-15 / 21:28
FONTE: GI.COM-IPS
Pedro Veiga, coordenador do Centro Nacional de CiberSegurança, participou hoje, dia 15, na sessão de abertura da 10.ª Semana Internacional do Instituto Politécnico de Setúbal.

Numa conferência subordinada ao tema “O papel da tecnologia num mundo em mudança”, Pedro Veiga abordou a evolução da internet em Portugal e os novos desafios como a “CyberSegurança”, o “CyberCrime” e a “CyberDefesa”. Para o coordenador do Centro Nacional de CiberSegurança a cooperação entre as entidades que tutelam essas áreas é essencial para contornar ataques informáticos e deixou alguns alertas para minimizar danos, tais como, não abrir mails de destinatários desconhecidos e efectuar regularmente cópias dos ficheiros e updates dos sistemas. Frisou também a pertinência que as competências digitais assumem no quotidiano profissional e apresentou o programa da tutela neste âmbito, o “Portugal INCoDe.2030”, no qual o IPS tem vindo a ter uma participação activa enquanto entidade de ensino superior.

No âmbito da internacionalização, Pedro Dominguinhos, presidente do IPS, destacou as várias estratégias em curso naquele Instituto como os módulos leccionados em inglês por duas escolas superiores do IPS, o incentivo à realização de programas de mobilidade internacional e a dinamização de formação em inglês destinada a docentes e não docentes. Adiantou, também, que para além do projeto H2020 na área das energias renováveis, coordenado pelo IPS, a instituição irá integrar outro consórcio de outro projecto H2020, o que revela o know-how presente no Instituto e respectivo reconhecimento a nível internacional.

Greg Macris, Ministro Conselheiro para os Assuntos Políticos e Económicos da Embaixada dos Estados Unidos em Lisboa, também presente na conferência, salientou a pertinência das visitas que tem realizado para conhecer o país, mas sobretudo as universidades e politécnicos portugueses, que no campo da tecnologia e da investigação nesta área têm mostrado excelentes capacidades e inovação. Na sua intervenção, referiu ainda que numa sociedade onde a tecnologia está presente em toda a parte, é necessário manter a transparência, dando alguns exemplos do empenho dos EUA nesse domínio.

A última intervenção foi realizada através de videoconferência, directamente da Turquia, na qual a investigadora Ayselin Yildiz, da Yasar University, falou sobre o papel dos smartphones durante a jornada de fuga dos refugiados, considerando a actual crise migratória. A investigadora realizou um retrato claro do que tem acontecido no seu país, desde 2015, referindo que os smartphones são utilizados para obter informação acerca da abertura e fecho de fronteiras, preços de viagens e barcos disponíveis, para partilhar coordenadas (GPS) e encontrar rotas seguras, mas também para os refugiados tomarem conhecimento sobre como e o que fazer nos países que os acolhem, entre outras.

Sob o tema ‘Changing World. Changing Attitudes.’, a 10ª Semana Internacional do IPS recebe mais de 40 participantes, oriundos de 14 países (Alemanha, Bélgica, Brasil, Colômbia, Dinamarca, EUA, Finlândia, França, Holanda, Polónia, Portugal, Reino Unido, República Checa e Turquia) para reflectirem sobre as mudanças constantes e imediatas no mundo actual, considerando o desenvolvimento das tecnologias e o seu papel e impacto no quotidiano da sociedade. As Escolas Superiores do IPS vão também dinamizar seminários e actividades que articulem aquelas temática com as respectivas áreas de ensino, nomeadamente tecnologia, engenharias, educação, ciências empresariais e saúde.

Decorrem ainda várias reuniões de trabalho entre os não docentes dos países participantes e do IPS, onde se pretende promover a partilha de boas práticas, de experiências, de métodos de actuação ou resolução de desafios no local de trabalho em ambiente multicultural.

A Semana Internacional decorre até ao dia 19 de Maio.

Partilhe
ver mais